Virtualização requer check-ups semestrais.

Reservar um tempo para revisões periódicas pode revelar falhas e ajudar a descobrir se há novos recursos disponíveis.


Assim que um grande projeto de TI termina, seja a implantação de um ERP ou a uma mera atualização do CRM, a equipe de TI vê que, inevitavelmente, o trabalho de verdade está apenas começando.


Certamente é assim com a virtualização. Sua empresa ouviu todas as promessas e percebeu os benefícios da virtualização, desde o aumento de produtividade e eficiência até a maior disponibilidade. Então você seguiu essa direção e coisas boas começaram a acontecer.


Agora você precisa manter tudo atualizado para manter os benefícios conquistados para a companhia. O que fazer para garantir que todos os sistemas continuem funcionando bem?


Em primeiro lugar, sugiro um check-up na virtualização, a cada seis meses, para conferir tudo, considerar mudanças necessárias e monitorar a performance real do seu sistema com um olhar de constante desenvolvimento. Antes você precisa responder algumas questões para avaliar como estão os esforços de virtualização da sua empresa.


1 - O fornecedor de virtualização selecionado ainda preenche a demanda?


2 - O desempenho dele é o esperado e está funcionando bem com os aplicativos mais importantes da empresa?


3 - Você tem uma estratégia de virtualização de longo prazo para acompanhar os resultados dos esforços e garantir que vocâ está tendo uma boa performance?


4 - Você tem certeza de qie seus sistemas atingem o objetivo?


5 - Os investimentos em virtualização tornaram realmente os processos mais ágeis e eficientes? Se não, o que você pode mudar para melhorar o desempenho?


6 - Você está conseguindo a performance da virtualização que gostaria? O que pode ser feito?


7 - Como avaliar o desempenho da virtualização? Você está usando ferramentas de monitoramente e acompanhando as atualizações? Está aprendendo com os updates e fazendo as alterações necessárias assim que as encontra?


8 - Você está usando servidores virtualizados e aplicativos em redes em nuvem privada ou pública? No caso de cloud computing privado, não é hora de torná-la pública? Algum dos novos recursos ajudam seus negócios?


9 - Há atualizações que mereçam sua análise?


Os fornecedores estão sempre adicionando novas ferramentas e, em alguns casos, vale a pena usá-los devido aos benefícios que proporcionam. Reservar um tempo para uma revisão periódica pode ajudar a descobrir se novos recursos existem e se eles estão disponíveis.


A analista-chefe Laura DiDio, sugere que você amplie a revisão periódica para incluir outras áreas da virtualização. Uma questão chave que está na cabeça de muitos clientes atualmente é o armazenamento em ambientes virtualizados.


“É o assunto do momento e está até mesmo toamando lugar de aplicações e desktop virtualizados”, afirmou a analista. “O armazenamento precisa estar crescendo sempre, rapidamente. Isso também significa que é necessário ter mecanismos de recuperação de desastres mais eficientes e backup de todas as informações”.


Para preparar isso, DiDio aconselha seus clientes a voltarem ao básico para planejar atualizações de virtualização. Outras tarefas importantes são rever hardwares, trocá-los ou fazer upgrades se eles já tiverem mais de três anos, para poder trabalhar com aplicativos mais recentes de virtualização. ”Você precisa ter certeza de que seus servidores são robustos o suficiente para lidar com todo o tráfego”, afimou a analista. “Você não colocaria um homem de 250kg em um pônei. Então, você não pode usar grandes recursos de virtualização em um hardware antigo”.


Outro ponto crítico da revisão é checar os sistemas de segurança para garantir que seus dados estão seguros nos servidores virtualizados, onde quer que eles estejam. “Tenha certeza que a configuração de segurança está correta” e que muitos aplicativos chave não sejam armazenados nos mesmo servidores no caso de problemas de segurança. “Você tem que ser esperto.


A virtualização faz muitas coisas, mas você não quer que tudo esteja no mesmo lugar, para evitar a possibilidade de perder tudo de uma vez”. DiDio também sugere que, durante a revisão anual, reveja os termos e condições dos seus acordos de licenciamento e de suporte com os provedores de virtualização. “Eles têm cumprido com os termos de nível de serviço? Se não, não hesite em reclamar”.


Geralmente, contratos de licenças são ignorados. Mas isso é um erro que você deve evitar cometer. “É bom garantir que você está comprando serviços compatíveis com os termos do acordo. Se metade do serviço está sendo oferecido, pague metade do preço. ”Desta forma, você pode evitar multas por baixa utilização de serviços e, se usar mais do que o combinado, negociar maiores descontos devido ao alto uso, disse DiDio.


Além disso, tenha certeza que está sendo realista ao julgar seus provedores pela qualidade do serviço durante o tempo do contrato. “Avalie se seu fornecedor foi mesmo responsável por algum problema que tenha ocorriedo”, declarou a analista.


Um item importante para incluir na revisão é a capacidade planejada, de acorco com DiDio. É preciso garantir que a sua empresa esteja usando toda a capacidade de virtualização que você paga e que, quando necessário, mais capacidade seja utilizada para evitar engarrafamentos. “Seria bom fazer isso duas vezes por ano, certamente ao menos uma vez. Grandes empresas devem considerar isso necessário, talvez até fazendo revisões trimestrais”.


Finalmente, é uma boa ideia, nesse ponto, reservar algum tempo para revisar tópicos de acesso remoto e mobilidade, segundo DiDio. Questões que têm se tornado grandes ultimamente. “Há alguma companhia que não tenha aumento de funcionários usando celulares ou trabalhando de casa? É necessário prover aplicações e também conseguir atualizar softwares e sistemas operacionais, e todo o resto”.


O que quer que você faça, ter um cronograma para conduzir uma revisão de cima a baixo na estratégia de virtualização e sistemas é um ótimo início para tornar o desempenho dos sistemas mais leve.


Periodicamente, investir algum tempo para dar uma olhada sob o capô é sempre uma boa medida de prevenção.


O quê? Você pensava que era só instalar e pronto? Vai sonhando.


*Artigo de Todd R. Weiss, CIO/EUA, disponível no portal CIO.

*Crédito da imagem: Wix.

#virtualização #armazenamento #gestão #dados #metodologias #tecnologia

Posts em destaque
Posts recentes
Pesquisa por tags
Nenhum tag.
Compartilhe
  • Facebook Classic
  • Twitter Classic
  • LinkedIn App Icon

+ 55 41 3512-5825

  • c-facebook
  • c-twitter
  • c-linkedin