Três formas de priorizar os investimentos em Infraestrutura.

Nos últimos meses, as áreas de TI têm sido pressionadas a buscar também a inovação. Ou seja, o CIO ouve cada vez mais que ele precisa encontrar formas criativas de fazer com que a tecnologia gere mais resultado para os negócios. Mas como priorizar novos investimentos?

O vice-presidente da Riverbed Technology, Rob Whiteley, acredita os gestores de TI vivem um dilema. Para começar a enfrentá-lo os executivos que cuidam da infraestrutura e da operação precisam priorizar o destino dos orçamentos.


Como forma de ajudar os CIOs nessa tarefa, Whiteley destaca três preocupações que as empresas devem priorizar em relação aos investimentos em infraestrutura:


1 – Automação de processos

Em TI, isso é necessário para levar as operações a um patamar de qualidade mais alto. Vale ressaltar que os projetos não acontecem com o objetivo de reduzir as equipes, mas sim de permitir que os profissionais de tecnologia que passam 75% do tempo ‘apagando incêndios’ tenham a oportunidade de atuar em áreas mais importantes.


"Isso é o que eu costumo chamar de ‘industrialização” da tecnologia, a qual é alimentada por três tendências: a de maturação das operações de TI por meio de padrões como ITIL e Six Sigma; do aumento do uso de ferramentas de automação sofisticadas e do apetite das empresas por mudanças organizacionais", afirma Witheley.


2 – Revitalização do data center Depois de redesenhar as operações e equipes, os líderes devem voltar atenção a melhorias no data center. "Tarefa que pode ser realizada com a economia de orçamento de 40% obtida com a automação de processos".

Para essa modernização o CIO precisa estudar os benefícios da virtualização e da consolidação de servidores.


3 – Virtualização de desktops Os gestores deverão apostar em algo relativamente novo no mercado, na visão de Whiteley: a virtualização de desktops. O grande ganho, segundo o especialista, está em padronizar o acesso aos dados corporativos para garantir a segurança das informações.


"Transformar o ambiente de trabalho pode não ser tão fácil quanto parece", admite o vice-presidente da Forrester. Ainda segundo ele, o primeiro passo do projeto deve ser dividir as equipes por segmentos e padronizar os acessos. Na sequência, o CIO tem o desafio de treinar e conscientizar as equipes da importância dessa mudança.


*Artigo de Rob Whiteley para o portal CIO.

*Crédito da imagem: Wix.

#investimentos #infraestrutura

Posts em destaque
Posts recentes
Pesquisa por tags
Nenhum tag.
Compartilhe
  • Facebook Classic
  • Twitter Classic
  • LinkedIn App Icon